Personagens femininas e LGBTQIA+ cientistas no Universo Geek

Atualizado: Jun 21

Não é surpresa para nenhuma mulher fã de ficção científica, séries e animações que, apesar de gostarmos dessas histórias, elas tendem a ser bem decepcionantes no que diz respeito à representação feminina e LGBTQIA+. Seja quando essas personagens estão sendo extremamente sexualizadas ou quando sua participação não é nem 10% tão significante quanto a de personagens masculinos que não possuem nem metade da sua capacidade, força e inteligência (sim, estou falando da Tsunade, totalmente esquecida no churrasco durante o arco da Quarta Guerra de Naruto Shippuden). Para pessoas LGBTQIA+ então, nem se fala, visto que essa representativa na maioria das vezes nem existe, e quando existe, não assumem um papel de tanto destaque, ou então são retratades de forma extremamente pejorativa. Mesmo que essas personagens estejam se tornando cada vez mais presentes, como dentre os X-Men, da Marvel, a maior parte das obras ainda assim é recheada de pessoas hetero e cis gênero. A falta de representatividade feminina e LGBTQI+ ainda é gritante e precisamos falar sobre isso.


Ainda assim, é possível nos depararmos com personagens fortes que não são apenas retratades de igual para igual com os personagens masculinos, héteros e/ou cis gênero, mas também são cientistas, pesquisadores que se entregam ao que fazem e que nos inspiram a ser como elus.


Por isso, listamos 12 personagens femininas e personagens LGBTQIA+ retratades em animes, HQ's, animações no geral e filmes que deixam qualquer Tony Stark no chinelo. Segue:


Animes


Hange Zoe - Attack on Titan

No universo de Attack on Titan, somos apresentadas a uma humanidade vivendo dentro de muralhas sob constante ameaça de extinção por titãs comedores de gente. Na linha de frente dessa luta, temos Hange Zoe, Oficial Líder do 4º Esquadrão da famosa Tropa de Exploração. Desde o momento em que é apresentade, Hange demonstra grande interesse em entender melhor a na tureza dos titãs, sendo e principal pesquisadore nesse tema na história.


Enquanto todas as outras pessoas sentem ódio e medo desses gigantes, e soldado possui fascinação e curiosidade por eles. Quando a tropa consegue capturar dois titãs para serem estudados por elu, Hange não apenas dá nomes a eles como também tenta se comunicar com eles, mostrando bastante empatia por esses seres tão pouco compreendidos. Hange é uma personagem marcada por sua forte empolgação em assuntos relacionados aos titãs e por ser uma pessoa muito "energética". Apesar do que deixa transparecer, elu não deixa de sentir, é claro, a dor causada por todas as vítimas da crueldade desses gigantes.


É graças a essu cientista que a humanidade conquistou muitas vitórias e adquiriu conhecimento acerca da origem dos titãs. É importante mencionar que o autor da obra, Hajime Isayama, revelou que Hange é uma personagem trans (não-binária) e recomendou o uso de pronomes neutros ou ambos femininos e masculinos ao se referir a elu. Apesar de, no anime, Hange ser retratade como mulher, no mangá, os pronomes utilizados para elu são ela/dela e ele/dele.


Ritsuko Akagi - Evangelion

No futuro distópico do anime Evangelion, a personagem Ritsuko Akagi é uma cientista na NERV, uma organização para-militar responsável pela criação dos Evangelions, a principal arma para proteger a humanidade dos ataques dos Anjos depois do Segundo Impacto.


Como cientista chefe da organização, Ritsuko é responsável por liderar os demais pesquisadores no local, trabalha com a manutenção dos robôs EVA. Sua mãe, Naoko Akagi, foi a cabeça na criação de uma rede de supercomputadores chamada Magi System, utilizados em combate nessa realidade e essenciais para o bom funcionamento dos robôs EVA. Seguindo os passos da mãe, a cientista foi responsável por salvar o trabalho da mãe quando essa rede foi alvo de um dos ataques dos Anjos.


Como é possível notar, Ritsuko tem grande papel de destaque na história e ocupa posição de liderança bastante significativa, sempre demonstrando responsabilidade e seriedade com seu trabalho na NERV. E, acima de tudo, é mãe de gato!


Tamayo - Kimetsu no Yaiba

Em Kimetsu no Yaiba (ou Demon Slayer), somos apresentadas à Tamayo, uma demônio (ou oni) muito poderosa que tem dedicado seus (muitos) anos a tentar encontrar uma forma de combater o Muzan, antagonista da série.


Através de suas pesquisas farmacêuticas e medicinais, Tamayo conseguiu algo impossível: transformar um antigo paciente e agora companheiro, Yushiro, em um oni, enquanto estava à beira da morte, sem que ele sentisse a necessidade de se alimentar de humanos.


Agora, estudando as células do Muzan, o oni considerado como o "pai" de todos os outros demônios, Tamayo busca encontrar uma forma de transformar onis de volta em humanos, o que é uma esperança para Nezuko, a irmã do protagonista Tanjiro Kamado.


A farmacêutica é um dos poucos - se não o único - caso de oni próximo de Muzan que se voltou contra ele, mostrando como Tamayo é fiel ao que considera certo e não tem medo de lutar por isso.


Makise Kurisu - Steins Gate

Kurisu Makise é uma verdadeira garota prodígio e uma dos principais personagens na história de Steins Gate. Filha do renomado cientista Shouichi Makise. Desde pequena Kurisu já discutia com seu pai sobre temas considerados complexos para sua idade. Aos 17 anos se forma na faculdade e passa a integrar o Brain Science Institute, da Viktor Chondria University, realizando pesquisas importantes em Física.


Ela se torna conhecida pela criação de um sistema de retenção de memória do cérebro e por refutar as teorias de seu pai sobre viagens no tempo após anos estudando os trabalhos dele na área.


Em um momento da história ela conhece Okabe Rintarou, um autoproclamado cientista louco que a tenta convencer a visitar seu laboratório afim de apresentar um de seus maiores experimentos: uma máquina do tempo. Apesar de considerar uma ideia tola, a princípio, Makise é tomada por sua curiosidade e acaba cedendo à proposta. A cientista percebe o quão promissor é esse experimento e decide ajudar Rintarou no desenvolvimento de seu projeto, entrando para o Future Gadget Lab e se tornando extremamente relevante para a história.


Animações


Tecna - Clube das Winx

A Guardiã da Tecnologia e integrante do Clube das Winx, Tecna, é conhecida por seus poderes relacionados à Tecnologia e Eletricidade, sendo a mais inteligente de todas as Winx, com um QI de (pasmem) 150!


Natural do planeta Zenith, Tecna é comumente retratada como uma fada guiada pela lógica e razão, sendo a principal estrategista do grupo durante as missões. Quando ela passa a conviver com as Winx que se permite olhar mais para o seu lado emocional.


Sempre autoconfiante e perfeccionista, a Fada da Tecnologia é a especialista em ciência do grupo e a responsável por resolver quaisquer BO's envolvendo tecnologia. Ao longo da série, Tecna passa a se abrir mais com suas amigas e mostra como se importa com elas, sem abandonar seu lado racional de ser.


Entrapta - She-Ra e as Princesas do Poder

Entrapta é uma das princesas do universo de She-Ra, sendo, dentre todas, a mais inteligente e definitivamente mais atraída por tecnologia - principalmente pela tecnologia dos "Primeiros", uma espécie de tecnologia alienígena antiga. Devido ao seu interesse diferente do das demais princesas, ela é representada como a "deslocada" do grupo, tanto que antes de ser recrutada para a guerra, Entrapta passava a maior parte do seu tempo isolada no castelo com os robôs que ela mesma criou.


Durante a guerra, ela acaba sendo dada por morta e é esquecida na base inimiga e é enviada em exílio para a Beast Island, lugar do qual ninguém nunca voltou vivo antes. Mas esse não é o caso para essa princesa: Entrapta enxergou a ilha como um verdadeiro "tesouro", cheio de tecnologia dos "Primeiros", o que foi ótimo para ela! Utilizando os recursos do lugar, ela acabou construindo um gigante robô só dela. Sua "estadia" na ilha estava indo tão bem que, quando seus amigos da Aliança chegaram para resgatá-la, ela não viu a situação como um resgate, já que não estava em apuros - muito pelo contrário!


Um fato interessante sobre Entrapta é que ela tem fortes características de cientista e inventora, no sentido de que ela não se importa se a tecnologia que ela desenvolve é "boa" ou "ruim", desde que ela tenha acesso aos recursos. Também é confirmado por Noelle Stevenson, autora da animação, que Entrapta é uma mulher bissexual, ao que ela afirma "eu acredito que Entrapta já teve vários namorados e namoradas".


No mundo dos super-heróis


Doutora Octopus - Homem-Aranha no Aranhaverso (Marvel)

Doutora Octopus (ou Dra. Olivia Octavius, Liv para os mais íntimos) é uma das antagonistas na premiada animação "Homem-Aranha no Aranhaverso", que vai apresentar diferentes realidades e versões do nosso conhecido herói Homem-Aranha. Na realidade do filme (Terra-1610), temos a Dra. Octopus, uma versão alternativa do já conhecido Doutor Octopus.


Olivia Octavius é uma grande cientista e CEO da Alchemax, uma multinacional americana no ramo da química, que foi contratada pelo vilão principal, o Rei do Crime, para construir um super-colisor. Seu objetivo é pesquisar sobre o acesso a diferentes dimensões, no que ela é bem sucedida ao conseguir reunir "Homens-Aranhas" de outras cinco realidades alternativas.


É interessante mencionar como o filme busca quebrar o clássico estereótipo do homem cientista, quando o Peter conta seu plano de invadir a Alchemax ao Miles e descobre que o cientista chefe é, na verdade, a mulher andando com uma bicicleta, ao que o Peter responde "preciso deixar de ser preconceituoso".


Shuri - Pantera Negra (Marvel)

Conhecida como Princesa de Wakanda, Shuri é a irmã mais nova do Pantera Negra e uma verdadeira gênia da Ciência e Tecnologia. Desde pequena Shuri sonhava em se tornar a primeira mulher a receber o título de Pantera Negra, o que a faz invadir um torneio para enfrentar seu tio S'Yan e competir pelo título, no que ela acaba sendo impedida e o vencedor do torneio é seu irmão, T'Challa.


Além de uma guerreira ambiciosa, Shuri também é uma enge