top of page

Conquistando sua Iniciação Científica: 4 passos (especial Pesquisa para Elas)

Você sonha em seguir carreira acadêmica, mas não sabe por onde começar? Um bom ponto de partida é através de uma iniciação científica (IC) que, como o próprio nome já diz, serve para iniciar sua trajetória científica. Nesta coluna, vamos te ajudar a buscar sua IC, procurando por potenciais orientadoras, temas de pesquisa e até feiras científicas para apresentar seu trabalho! Segue o fio!


1. Determine que tema, dentro da sua área de interesse, você gostaria de pesquisar sobre. Ex: pesquisar sobre ondas gravitacionais originadas no Big Bang (área: Astronomia).

Uma vez que tiver o tema definido, passe a procurar por centros de pesquisa em universidades que trabalham com sua área de interesse. Geralmente sites de universidades exibem os nomes dos professores/pesquisadores que fazem parte de certo departamento, e você pode dar um Google e fazer a famosa “stalkeada” pra entender que tipos de trabalho eles já desenvolveram e se estão dentro do tema que você busca.

  • Mais um exemplo: quer procurar por pesquisadores em Astronomia? Escolha uma instituição, procure o departamento nela que trabalha com pesquisas nessa área e vá na área de docentes/pesquisadores, como esse: https://www.iag.usp.br/astronomia/pessoal nesses sites costuma ser disponibilizado o nome dos pesquisadores que fazem parte do dpto e o link para o Lattes, que é a plataforma utilizada no Brasil que pesquisadores utilizam como currículo online. ❗Alguns exemplos de centros de pesquisa (fora universidades) pelo Brasil (fique atenta porque ao longo do ano algumas dessas instituições costumam abrir processo seletivo para bolsas de IC):

    • INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia)

    • IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada)

    • INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais)

    • CBPF (Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas)

    • CNPEM (Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais)

    • Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz)

    • ON (Observatório Nacional)

    • LNA (Laboratório Nacional de Astrofísica)

    • LNCC (Laboratório Nacional de Computação Científica)


2. Uma vez feito isso, você pode tentar um contato por email (que geralmente também é disponibilizado), contando um pouco sobre você e que gostaria de começar uma iniciação científica em alguma área ou se há algum trabalho em desenvolvimento que ela(e) precisa de ajuda - professores amam ter alguém pra ajudar eles com algum projeto em andamento! E você pode utilizar o template de email abaixo:


Olá, prof. [nome da professora]


Meu nome é [ ] e sou [estudante do ensino médio, técnico em x, graduação em y, se descreva!] e tenho bastante interesse em área z.


[em um outro parágrafo, você pode contar também sobre suas experiências extracurriculares que você considera relevante para a/o professora saber sobre.]


Procurando em [site da instituição em que você achou sobre ela(e)], encontrei seu nome e analisei seu currículo Lattes, e vi que a/o Sr(a) já desenvolveu trabalhos em x, temática que gostaria de explorar mais e potencialmente trabalhar com isso no futuro.


Por isso, gostaria de saber se teria alguma vaga como assistente de pesquisa ou até em uma iniciação científica voluntária disponível em seu grupo de pesquisa. Tenho certeza que seria uma experiência de muita significância para meu currículo e muito me ajudaria na carreira que desejo seguir.


Prometo dar o meu melhor e desde já agradeço pela seu tempo!


Atenciosamente,

[seu nome]



3. Não se preocupe se a IC vai ser, inicialmente, com ou sem bolsa, a experiência vai ser muito útil e uma IC voluntária é um caminho para conseguir uma bolsa de pesquisa!


Além disso, não se limite a apenas instituições na sua cidade/estado, seja ambiciosa! Explore universidades por todo o país - e quem sabe, mundo - e até mesmo organizações sociais que buscam incentivar a pesquisa científica, seguem alguns exemplos abaixo:

4. Uma outra sugestão é participar de Hackathons e Desafios, onde você tem a chance de desenvolver uma ideia (geralmente muito atrelada à tecnologia) e ainda conhecer muitas pessoas e organizações - o famoso networking ;). Alguns exemplos de programas assim:

Desejamos boa sorte com tudo! Outro tipo de competição importante são as Feiras Científicas! São ótimas pra você apresentar seu trabalho, receber feedback (e ter a chance de melhorar!) e conhecer novas pessoas realizando pesquisa em sua área ou similares. Alguns exemplos de feiras são:


Boa sorte em sua trajetória e beijinhos científicos!

ElaSTEMpoder & STEM para as Minas




281 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Fernanda Lemos
Fernanda Lemos
Apr 24, 2022

Excelente conteúdo! Parabéns pela iniciativa!

Like
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Preto Ícone YouTube
bottom of page